.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

terça-feira, 27 de maio de 2014

Inquietas emoções...


Ah! Meu amor
sussurra em meus ouvidos
Como se fosses o lamento das ondas
Inspira-me com teu verde olhar
Qual fosses o mar... cheio de saudades
Marejado de lágrimas...

Abraça-me amor... Quão se foras abraçar as rochas
Invade meu corpo num prelúdio tocado ao violino
Em noites enluaradas cujo vento viril penetra
Na minha pele sugando minha essência pelos poros...
Em noite que  me entorpece serena
nas minhas entranhas pulsadas... Pela loucura do querer...

Ah! Meu amor... Tenho em minhas mãos 
Inquietas emoções
Não há amor que possa ser maior que esta chama ardente
Aqui o eco dos meus versos é brado uivante...onde
a saudade  me aperta o coração...

Ah! Meu amor...
Faz de mim uma gaivota a sobrevoar-te a todo  o momento
Saciando minha sede a cada voo à hora do poente! 


celina vasques

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Pra voce que me visita!


Idealizei-te...!


Fantasiei um amor
Inventei asas para a saudade...
Sabes? Não eras nada... Uma sombra... Talvez
Uma efígie do passado...

Deixo-me perder entre gemidos
Em cada sonho que devaneio nas noites em que devoram
O meu corpo... Solitário e ausente de ti...

Ah! A irreflexão dos versos com que arquitetei
a tatuagem que te fiz em teu peito forte...
Matizes...
Que nunca se apagarão... Daqueles dias e no limite do desejo
Onde tremia e ainda tremo na lembrança de nossos encantos!

  Celina Vasques

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Versos que não fiz...


Já não tenho a transparência dos versos
Deixo-me perder nas marcas ensurdecedoras da vida...
Já não sei brincar com as palavras...
Cerro os olhos quero escrever um poema pra ti...
- Como antes fazia -
Mas já nem lembro mais do teu rosto!

E me perco procurando silabas na palidez
Das horas onde os sons atravessam
Num dançar de melodias... São pássaros
Cantantes que seduzem e que vivem em mim...

Tento descrever meu sentir na leveza das palavras.
Inventando versos onde vivem meus segredos
Na concisão do tempo e na sofreguidão da alma
Silencio… e abandono-me ao furor da brisa
Tenho uma lágrima que escorre na face...e não escrevi!



celina vasques



sábado, 17 de maio de 2014

O Futuro é hoje...aqui!



Foto: *+*+ Hi..Nice for friends.  *+*+

Nas noites nebulosas de luar
tremo de frio e na mais completa solidão

choro por ti...
No segredo da paixão soberana
a memória sorve as lágrimas caídas...


Ah! Este corpo iluminado pelo brilho da lua e 
Nos braços da sublime loucura deixo-me morrer 
À dor de te perder...

Triste olho para o céu
E lá cavalgando nas estrelas...
Gentis... Fantasmas do passado!

E aí vem a madrugada
Sem pressa despede-se a noite 
E lá se vão as carências... 
Os desejos não realizados... Os sonhos desfeitos...

Na manhã as esperanças renascem 
O sol nasce... O dia amanhece e o futuro 
É hoje... Aqui!


celina vasques

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Tormenta da alma...


Foto
...E eis que cantam os pássaros.
Que Soltam a alma nas arvores
Despida de flores...
uiva a ventania em tempestade
dilúvios entristecidos pela tormenta da alma
Na vidraça desenham-se rostos hipotéticos
Gota por gota que escorrem rapidamente quais lágrimas e lamentos...
E a vida torna-se brado
no silencio do amanhecer...

celina vasques

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Suave é a noite!

Foto de Acorde com as  Flores Uma pagina cheia de cores.
Suave... à noite amplia seu esplendor
Silenciosamente os sentires cedem ao sussurrar
Das canções noturnas...
Fecho os olhos e me entrego aos meus mais profundos sonhos...
Sinto meu espírito leve...e acariciado pelo som da melodia...

Escuto-a... Sinto que me possui secretamente
e nas minhas fantasias inicio uma viagem através do tempo
Flutuando... e um  doce frêmito se apodera de mim...
Toco em ti... Saboreio este momento e cada sensação...
E deixo o sonho se realizar....

celina vasques







Surto...olhando o horizonte!


Na janela surto olhando o horizonte e me imagino voando 
Até que o vento veleje levitando nas alturas de uma gaivota
Esboço de azul na melodia de aves num eco harmônico
 de algazarras de tons...

No precipício
onde se refletem a cor do mar e a perfumada maresia
numa introdução de notas ao misturarem-se com o marulhar das ondas...
Ah! Que lindo as nuvens parecem algodão do tamanho do mundo! 


Volto a navegar neste céu dourado e da prosaica janela vibro
no anseio de ser simplesmente um pássaro 

Adormeço na noite serena despojada de sentimentos 
Perdidamente perco-me em meus... Sonhos... Frágil... Mortal... 

Escorrego muito além da loucura jazo neste êxtase apaixonante 

Suspiro nesta manhã onde volitei
E a minha lucidez me trouxe a pisar novamente
 neste chão coberto
De espinhos...




celina vasques

terça-feira, 13 de maio de 2014

Chuvas de Prata...


Foto: (¯`♥´¯)) ღ ✰♥ ღ .`*.¸.*´✿¸.•*¨`*•(¯`´¯)) ღ ✰ ღ .`*.¸.*´✿¸.•*¨`*(¯`´¯)) ღ ✰ ღ .`*.¸.* ´✿¸.•¸ƸӜ —*•. — ♥ ♥((((( ((Have a beautiful day Peace and love my friend.....Tiene un hermoso día de la Paz y el amor ღ .`*. — . *.¸ . .✿¸.•*¨`*(¯`´¯)) ღ ✰      ♥       ♥
Da varanda do meu quarto olho a noite
E vejo estrelas para além da noite...
Parecem cair em minhas mãos chuvas de prata
Trazidas pela perfumada brisa
 o silencio destila paixão e eu desejo
Que o tempo me traga versos que escrevo
Sem nem pegar no lápis... Palavras que vem
Profundas e que me invadem a alma...

Ah! Sinto-me tão tua...
Busco-te na  ânsia no limite do desejo
Flutuo na pele onde viaja o encanto
De um beijo oferecido pelo vento!

celina vasques

Cálice de doçuras....

Foto: Bonjour et bn aprés midi bisousss ♥ ♥ ♥

Calei meu grito ao te ver nos sonhos devorei teus beijos que ansiava tanto
Senti-me um passarinho a arrulhar no ninho Dormi em ti meu amor apoiada em teu corpo macio
O meu desejo realizou-se ali entre brumas e suspiros
De minha respiração febril...

Ah! O amor me invade em cada dia que amanhece... Entrego meus sentidos em tuas mãos... Percorro aí
O caminho da ilusão há um rosto do amor
Transbordando um cálice de doçuras de dentro do meu coração... E louvo o amor que fervilha em teu peito!

celina vasques

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Neon...


Céu prateado de neon...
Ondas do mar revoltas... Musica no ar...
Eu toco o teu amor... Com minhas mãos...
Ele está aqui dentro do meu coração!



quinta-feira, 8 de maio de 2014

Eu sou especial para ti!

Eu me sinto muito especial quando você diz que és meu!
Eu me sinto muito especial quando você diz que seu
amor sou eu

Eu me sinto muito especial quando você mantém
minha mão na sua...
Eu me sinto muito especial quando você diz
que você é meu
- o meu homem  -
Eu me sinto muito especial quando você mantém
nos braços quando eu choro...

Eu me sinto muito especial quando você diz
que está tudo bem ...
Eu me sinto muito especial quando você  me chama
de mel ...

Eu me sinto muito especial quando você diz: Eu te amo!


Foto


Sangue nos olhos

Eu te amo porque tu
me permites ser eu mesma
e ainda me amas...do meu jeito...assim meio louca...
Porque nós podemos falar sobre qualquer coisa
e rir de coisas bobas
Eu te amo porque
tu és especial e único
e trazes para fora o melhor de mim!
Eu te amo porque tu és tu...com este jeito doce...
lindo...carinhoso...amante...apaixonado...
aquele que eu esperei por toda a minha vida

celina vasques

Aprendendo...

Foto Se você aprender com os piores momentos da sua vida, então você estará pronto para ir para os melhores momentos que virão!

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Coisas do amor...

Às vezes, alguém entra em sua vida e te faz tão feliz e faz mudanças para melhor...e seu coração está sempre sorrindo!
Mas.. às vezes alguém vem em sua vida e te faz sofrer.. e em vez de felicidade te faz um ser deprimido, angustiado, triste... despedaça seu coração! Como sabê-las?



Livro da vida...

No livro da minha vida, tenho escrito muitas coisas boas e ruins
Eu escrevi as minhas tristezas minhas emoções, minhas alegrias mas a minha dignidade maior é
quando eu o abro e tento não ler os desagradáveis... e só o belo que me dá força para seguir em frente e nunca parar..