.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

sábado, 7 de janeiro de 2012

Saudade crepuscular....






A saudade invade fundo o meu coração
na hora do crepúsculo
logo as estrelas aparecem no céu
Consolo-me olhando os pontinhos luminosos
E o clarão da lua...

Penso em ti e que já não estamos juntos...
caminhas por caminhos diferentes dos meus....

Sem rumo e muito distante...
Para onde viajam os passos de um homem perdido?!

Ao anoitecer tudo se arrasta
Escuto uma canção emotiva
Cuja melodia teima em minha mente ...
- nunca vai morrer -
Permaneço solitária de todas as ilusões
O amor é agora apenas meu...só meu...
fantasias de ontem nas minhas noites de solidão...

Ah! Deixa-me ao menos sonhar
Essa promessa de arredio sentido
Recordar todos os beijos, todas as carícias e
As palavras de amor...

Todas as emoções
Momentos de mágica e irrequieta dança onde
o tempo corre pra frente e não deixa rastros...
dos dias que nunca mais virão...



CELINA VASQUES