.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

sábado, 7 de janeiro de 2012

APENAS UMA LENDA!



Ah! É tão intenso o “amar”
Cruzei oceanos, encarei tormentas
Minha alma navegante entre chegadas
E partidas... Viajando além mar
Entre brumas envoltas no vazio... Da ausência!
Na busca do que minha alma alcança
Mil disfarces esgotaram-se na minha vida
Deixei escapar a verdade há tanto
Tempo escondida...

No meu peito a força da paixão
Dos sonhos que inventei lá onde
Vou ao encontro da agonia que
Perdeu-se
Mas que retém na memória emoções
Passadas nesta e noutras vidas!

Digo não! Ao sentimento do querer
Apenas o das dores pra lembrar-te
Meu louco e profundo amor
Nesta inacabada estória
Hoje, apenas uma Lenda!




celina vasques