.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Meu amor...Poeta!



Dentro do peito mora uma saudade..
Uma espera que no coração habita...
e que jamais se extinguirá...
Dentro de mim há um desejo ardente
A esperança viva deste mundo só nosso...o meu sentir mais verdadeiro
Momentos que foram imortalizados por palavras de amor... beijos e afagos
Quando nossos corpos se entregavam na mais linda poesia...
síntese de minha alma com o eterno transcendente...
ilusão dos meus sonhos e fantasias...inspiração de minhas rimas...e todas as minhas alegrias...
Te amo meu poeta do amor...te amarei para sempre
meu amor... poeta!


celina vasques