.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Pinto amores perfeitos...



Nada sou além de pintor de aquarelas...

Sem pincel nem telas... 
Sou o silencio de noites frias!

Sou vida que não vive
sem espreitar o surgir do Sol,
 me  verás em grandes voos nas asas de uma gaivota
Que imergirá nos azuis dos céus
Para dar encanto ao branco Celestial...


  Voando ao som de melodias de amor
A brotarem de minha alma,
dedilhadas em harpas hipotéticas...

Canções perfumadas por brisas sublimes
Surgidas dos campos onde abrigam 

Versos de poetas... Palavras imortais que vem do profundo da alma...

Mas... Pinto amores perfeitos
com tintas coloridas da cor dos olhos teus !