.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

terça-feira, 1 de abril de 2014

Eu te digo adeus...


Com os olhos marejados na despedida...
Com a alma carregada de lembranças...
Mas levarei na memória.. Momentos em que eu te amei!

O tempo parou porque eu te amava...te queria para minha vida
Mas sempre soube que partirias...

Escuta-me amor...
Eu te amei, mas você nunca foi meu!

Hoje tu és apenas uma imagem sem cor... Neste silêncio
que ficou depois de tua partida...dividindo o sofrimento e a dor
com este amor que morre lentamente!

celina vasques