.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Namorando a Natureza!



Vejo feliz a natureza bela
Sinto o amor dentro do meu peito
Sou cigana liberta...e de
Olhos fechados sinto a oração que vem do infinito
Murmurosas lágrimas caem em minha face
Sinto o corpo ceder à beleza deste momento

Mostro minha alma ao vento...
Quieta ...escuto o murmúrio das águas...dos dias...que passam...
Pudesse eu tocar as nuvens... abraçar este mar bravio
E para sempre orar sentada nas pedras desta montanha maravilhosa!




celina vasques

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Onde estás felicidade?

Onde estás felicidade?

Cantei-te tanto em versos e prosas...
E nas musicas que escrevi e nas melodias que toquei!
Ah! Te almejei tanto, sonhei contigo
Nos dias e nas noites sempre era verão...
Te delonguei até para a lua...as estrelas
Radiosas brilhantes...
e meus dias quentes e ensolarados,
Tudo era sinônimo de teu nome...felicidade...
Beleza e alegria...fortuna...e sorte!
E agora que faço das minhas fantasias?
E o que eu cria? Para onde foram meus sonhos?
Não creio mais em ti...

celina vasques

Chorando mágoas...



Eu choro mágoas...eu choro dores
E pergunto ao destino que fiz? Que fiz?
Meu coração despedaçado...magoado...
Pulsa em meu peito em pedaços...
Indago ao acaso que trilhas mais tortas
E de solidão ainda será meu caminhar?
Perco-me nos pensamentos culpando-me
    todos os dias...
Derramo prole em meus versos...

Não sei quem sou...uma estranha talvez...
  Sem rumo ...sem prumo
Enquanto as lembranças abandonam-me passo a passo...
Perdi-me na canção que insiste em tocar 

  em meus loucos ouvidos
Vivo entre o amor e o bramido da raiva
Creio e não creio...
Na minha primeira manhã
que pensava ser eterna!

celina vasques

terça-feira, 21 de maio de 2013

meu sofrer...








Lágrimas caídas no rosto
que oculto e escondo
São saudades dos teus carinhos loucos
E por amar-te tanto minha alma dorida que sangra
encerra o sofrer depois do pranto...
Neste meu sorriso... que a todos encanta!



celina vasques

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Outra chance...










Encontrei o caminho de volta ao Amor....
                           Por ti...por nós...
Precisamos ficar juntos até o fim...


É o nosso pacto que faz a magia...
vivermos sem a sombra do passado
Sempre olho para ver se vejo as estrelas brilhando no céu...
                       e só vejo estrelas em ti...
E um sorriso no canto dos lábios...isso é ser feliz assim...
Desde que te vi minha vida mudou...
                 tu me deste uma razão
para ter outra chance ...agora eu só quero e preciso de ti!

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Encontro de almas...






Quando minha alma encontra com a tua
E tu olhas para dentro de minhas fantasias
Todos os meus sentires afloram e eu ponho-me
A escrever poemas...palavras que falam de amor...
Esta ardência
 este fogo
 este carinho...
e a minha essência busca na memória momentos
vividos num passado transcendente vivido contigo!

Nunca mais te deixarei partir...
agora que te encontrei
Alma de minha alma...
vou cingir teu corpo com paixão...
Te dar o perfume de todas as flores...
e as  brisas para que te acariciem
Nas manhãs ...
E te darei nas noites a luz da lua e a placidez das estrelas e
te mimarei ...farei para ti mil versos e juras de amor... 
te amarei para sempre...sempre...
E nos muitos beijos e abraços  
dar-te-ei meu coração para que nunca mais
Duvides de meu amor...
Mas se fores de mim
 irei contigo 
e seremos uma única LUZ!

celina vasques

terça-feira, 7 de maio de 2013

Para alguém especial...



Tu amor meu!

Quero acordar nas manhãs contigo ao meu lado
Nos anoiteceres... esperar-te à beira mar para que juntos
Possamos namorar á luz do luar......

       encantados com a beleza das estrelas...

Vamos seguir o rastro de uma delas...aleatoriamente..
O céu nos guiará...apenas não fale...

Quero partilhar contigo todos os silêncios...Vire-se...
Feche os olhos....escute meu coração pulsando
É como se fora o marulhar das ondas...e o teu respirar...
A brisa que vem do mar...

És a melhor parte de mim porque vives
        dentro de minha alma
E eu jamais irei desistir deste sonho...
        meu adorado...
Quero acalentar-te e dormir no teu abraço...

Estar contigo em todos os momentos...é
Tudo que sentimos...é tudo que sabemos...tudo que queremos...
          Sempre juntos...
Porque és o grande e eterno amor 
de minha vida e assim
Nos amaremos para sempre!

celina vasques

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Confetes de ilusão...




Não me peças para esquecer-te
  -  Eu não poderia -
Não invente palavras  para não me ferir...
     -  eu entendo -
 Se não queres o amor que te dou
 Então, deixe quieto o meu magoado coração...
ele não resistirá a mais esta paixão...
Busquei em ti o que pensei ser o amor
    -  infinitas esperanças -
Minha sombra se perde no meio desta solidão
E em minhas memórias...surgem fantasias
 de lindos momentos que poderia viver contigo...
         - Suspirando versos - 
confetes de ilusão flutuando junto com a brisa!



celina vasques