.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Versos perdidos...







Versos perdidos...

Poemas que fiz versos perdidos
Palavras e rimas inacabadas
Papeis vazios de sentimentos
Sonhos esquecidos de felicidade adiada!
Perdi o teu rumo nas esquinas
Da vida... Fui além de mim
Segui tuas pegadas fui buscar-te muito além
Em minhas entranhas... Estás ali...
Eu já não sei viver sem ti...
Talvez... Eu consiga serenar esta dor
Que me invade a alma de
Momentos que foram tão teus
Guardados no profundo da minha memória.
..


celina vasques