.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

terça-feira, 9 de julho de 2013

Manhosando...apenas!



Adormeci serenamente sobre a brisa

Dividi contigo a placidez do meu sorriso

Bebi do teu amor como se fosses uma 


taça de vinho ...

Que me queimava a alma!



Depois ...suspirei palavras de adeus

como se fosses partir... e partiste!




celina vasques