.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Vulcão...

Viajo por caminhos que me levam ao teu
rastro...
Fecho os olhos para sentir o profundo
desta paixão...
Desejo beber o sol nesta radiosa manhã
Para que saibas que em minha alma ainda

Arde o amor...este vulcão .... gênio
impetuoso onde
Aprisionei a paixão!
Continuo neste êxtase alucinante num
acarinhar
Inesgotável de uma estrela apaixonante... ...fascino-me
e com gestos ansiosos...
Que me invadem neste estado de abrasamento
sinto-te amor na minha pele...
sente-me ...inflama-me
transforma-te neste fogo ardente e queima
o meu corpo ...vulcão!

celina vasques