.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Eu...quem te adora!



Sou poeta seduzida por teus encantos
em frente á tua janela canto meus desencantos
és um raio de luz na minha vida ...

Tens o aroma doce de uma rosa breve...
fragrância dos Deuses que a minha alma
regozija ...

és o murmúrio de meus sonhos ....
tua presença todos os dias é um
afago à minha alma...

Há sempre canções nas madrugadas...
versos que te escrevo...apaixonada!

Guardo na face ...lágrimas que secaram com a brisa
Aconcheguei-me à alegria no teu abraço!

Percorro todas as trilhas que me levam aos teus passos
Fecho os olhos para ver melhor a paixão...quero embriagar-me
No brilho do sol de teus olhos...beber na magia de tua boca
Todos os beijos
Ansiados por este ser onde os sentimentos ardem ...e quem te adora!

celina vasques