.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

domingo, 15 de janeiro de 2012

FIM DO SONHO



O amor esteve aqui...mas eu não reconheci!
A vida é doce e somente o Adeus
a torna amarga...
foram tantos sonhos que brilhavam
qual diamantes lapidados mas envoltos
em mentiras...

Depois vieram o temporal ....a chuva ...o frio
e a insistente música qual vozes veladas
acordes de violão...que atormentam meus ouvidos
que enlouquecem meus sentidos...

...e num soluço de amor te perdi...fugiste...
tentei alcançar-te...corri mas só via teu sorriso brilhante
na névoa e desapareceu na noite ...

Ah! Desejei o mar, com suas ondas, e a areia branca da praia...
com seu sol de verão a esquentar os corações e a alma...
meu coração se enche de memórias lindas e emocionantes
nostálgicas...apesar das esperanças...de encontrar-te
novamente nos meus sonhos reais...
nasci ao te beijar...morri ao te perder
e fui feliz quando me amaste!

"o amor esteve aqui... mas eu não reconheci!"







CELINA VASQUES