.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

ETERNO INSTANTE!



Num soluço triste
tento esquecer o sofrimento
e a angustia de minha vida

Buscando o esquecimento
além do horizonte
nos caminhos dos
sentimentos e dos oceanos
na imensidão das
ondas gigantes e
nos abismos profundos
da alma...insistindo nessa
saudade atroz...

Derramando nas desilusões
os meus sonhos e no meu
silêncio a esperança de te
amar de novo...
transportando-me para a
eternidade

...esse mar de desejos loucos
no qual afogo-me
pensando ser o teu corpo
e sorrir no teu sorriso
ao meu
eterno instante!

CELINA VASQUES