.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

DELÍRIOS



Foi um sonho? Delírios?
Chovia, foi loucura
me sorrias e a noite
era fria e nos acolhia
um convite pra dançar!

Eu te recusava
mas me excitavas
me apertavas e
falavas palavras de amor!

Corremos na chuva
demos risadas,
nós dois na calçada
e nos beijamos
- mil beijos-
nos entregamos...
parecia que
tinha luar e chovia!

Ah! E como nos amamos
esse amor foi um delírio
canto de poesia
volúpia
alegria!

Te amei na chuva que loucura!
Meu coração batia
- acelerado forte -
emoção ...sexo!

Depois , embalei-te
com meus cantos
música tocando
brinde...
nós ali deitados
nossos corpos tremulos
desnudados e estavamos
lado a lado
- cansados -
depois de tanto amor!







CELINA VASQUES