.

Eterno é este mar em que tuas lágrimas navegam e a brisa suave que levou de ti a ilusão ...e nesta bruma ocultas teus sentires de mim ... (Celina Vasques )

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

APENAS UM SONHO



A brisa da noite
acariciou meu rosto
eu sentia o aroma
das flores abrindo-se
lentamente em
meu jardim...

No céu pintado de estrelas
a lua espalhava seus raios
com muita magia
encantamento e beleza
então
tocaste-me suavemente...

Naquele instante o mundo
era só nosso
jamais esquecerei quanta ternura
...canções vinham lá longe
do firmamento que pareciam
canticos de querubins...

Teus braços enlaçavam-me
e teus lábios pousavam
nos meus ternamente
num beijo profundo e inesquecível...

Num suspiro da noite
fez-se o dia
Acordei...ainda sentindo
tuas mãos apertando as minhas!




CELINA VASQUES